Corretor, aprenda a administrar sua carteira de clientes

imagem ilustrativa de carteira de clientes

A carteira de clientes do corretor de imóveis é um ativo importante para a carreira de todo bom profissional. A procura contínua permite ao corretor construir uma carteira coesa, com clientes de perfis complementares, o que ajuda a contornar os períodos de redução na atividade imobiliária e a perda de público para a concorrência.

No entanto, não basta apenas construir uma boa carteira. É preciso saber mantê-la ativa e organizada, para que você possa fazer uma gestão mais eficiente dos seus clientes e não perder nenhuma oportunidade de venda.

Quer saber como? Confira neste artigo algumas dicas para administrar melhor a sua carteira de clientes!

Determine sua especialidade para encontrar clientes certos

Ter uma carteira extensa, com clientes com perfis e interesses muito distintos, nem sempre é eficiente. Por mais que você trabalhe com diversos tipos de imóveis, provavelmente tem uma área de atuação com a qual você se identifica mais ou se sai melhor.

Você prefere vender imóveis de luxo para clientes com maior poder aquisitivo? Ou prefere lidar com investidores? Ou, ainda, vender apartamentos simples para novos compradores?

Seja qual for sua preferência, é preciso torná-la uma especialidade e segmentar o seu público-alvo. Uma carteira enxuta, mas que seja ativa e bem direcionada ao seu público, é muito mais eficiente do que uma carteira extensa.

Mantenha uma gestão ativa da carteira de clientes

Manter uma carteira de clientes ativa significa conhecer bem cada um deles, suas necessidades e estágio no funil de vendas, assim como traçar as ações e passos a serem dados.

Além disso, é importante estar atento ao comportamento dos seus clientes, pois muitas vezes eles dão sinais de que se tornarão inativos. No ramo imobiliário, um sinal é quando o cliente para de retornar ligações ou começa a desmarcar visitas ao imóvel. Nesses casos, se você perceber esse comportamento, é possível traçar ações e estratégias para reverter o quadro e não perder a venda.

Portanto, mantenha contato com seus clientes, afinal, como diz o ditado, “Quem não é visto, não é lembrado”.

Divida seus clientes em categorias

Uma forma de organizar a carteira de clientes do corretor de imóveis para melhorar a administração é dividir os contatos em categorias. Assim, fica mais fácil visualizar onde estão as oportunidades de venda. Veja uma sugestão para essa divisão:

  • Clientes prospects: são os clientes interessados, mas que ainda não realizaram o negocio que desejam.

  • Clientes ativos: são os que já realizaram algum negocio imobiliário e podem voltar a fazê-los a qualquer momento.

  • Clientes inativos: são os que já realizaram seus objetivos até um dado momento, mas não demonstram interesse ou possibilidade de entrar em uma nova negociação.

  • Ex-clientes: são os que deixaram de contar com você para recorrer a outro corretor.

Vale ressaltar que, no ramo imobiliário, a maioria dos clientes não compra mais de um imóvel na vida, tornando-se inativos. No entanto, essa categorização é importante para não perder contatos, observar os prospects e evitar que eles se tornem ex-clientes.

Limpe a sua carteira de clientes

Para atender os seus clientes de forma satisfatória, é necessário limpar a sua carteira de clientes periodicamente. Assim, você poderá realocar seus esforços para clientes que apresentam mais chance de fechar negócio.

Ao limpar a sua carteira, ela fica mais enxuta e otimizada, o que facilita uma gestão mais eficiente. Além disso, fará com que você enxergue novas oportunidades de venda.

Manter a carteira de clientes do corretor de imóveis organizada é essencial para gerenciar melhor os seus contatos, redirecionar esforços, aproveitar todas as oportunidades e aumentar a sua prospecção imobiliária.

Quer um parceiro para aumentar a sua carteira de clientes? Entre em contato conosco e torne-se um associado!

Compartilhe, curta, recomende:

Deixe um comentário