A possibilidade de trabalhar nos próprios termos e embolsar toda a comissão de vendas e locações, são bastante tentadoras. Por isso, muitos corretores optam por trabalhar de forma independente. Entretanto, trabalhar com imobiliárias apresentam vantagens que precisam ser consideradas pelo profissional ao decidir sua forma de atuar no mercado.

Associar-se a uma imobiliária pode fazer bastante diferença na consolidação de sua carreira, na formação de sua carteira inicial de clientes e na sua própria formação profissional. Por outro lado, trabalhar sozinho significa se tornar o único beneficiário do resultado do seu trabalho e também pelas responsabilidades e despesas do negócio.

Neste artigo, vamos mostrar algumas das vantagens que associar-se a uma imobiliária pode trazer para a sua vida profissional. Esperamos que essas informações lhe ajudem a decidir qual forma de atuação tem mais a ver com o seu momento.

1. Facilidade na operacionalização de parcerias

Por mais que se possam formar parcerias para negócios, nem sempre é simples harmonizar os termos entre os parceiros, ou assegurar o cumprimento dos tratados.

Numa parceria, a não se que ela já tenha se estabelecido anteriormente e seja recorrente, a primeira etapa a superar é o estabelecimento dos direitos e deveres de cada parceiro, as responsabilidades recíprocas e os custos da operação que cada um deverá suportar. Isso por si só já pode ser bastante complexo desde o início, à parte as questões do negócio que os parceiros terão que desenvolver.

As imobiliárias, ao fixarem regras de funcionamento internas, desde logo já resolvem esta etapa, fazendo dos corretores associados parceiros naturais sob condições pré estabelecidas, e, em decorrência disso, tornam-se ainda fiadoras dos compromissos recíprocos.

Por fim, a organização imobiliária será mediadora natural de eventuais conflitos e questões que ocorrerem durante negócios conjuntos, facilitando a solução das mesmas de modo a manter viável parcerias futuras entre os mesmos profissionais.

2. Redução de custos por compartilhamento de recursos

Alguns custos da atividade profissional do corretor de imóveis podem ser otimizados com os chamados ganhos de escala. Isso é verdade para tudo quando diz respeito à publicidade, propaganda, escritório físico e outras questões de infraestrutura.

Portanto, ao se associar a uma imobiliária, ainda que nem tudo esteja claro como “na ponta do lápis”, esse ganho de escala ocorre de fato, e ao corretor caberá monitorar em que medida tais ganhos estão se refletindo em vantagens efetivas para si.

Além disso, o corretor de imóveis deve considerar que, apesar da larga disponibilidade de sites de divulgação de imóveis com que eles podem contar, tais plataformas em nada contribuem para a construção de seu nome profissional, nivelando a todos num mesmo patamar de concorrência.

O profissional deve atentar para o fato de que precisará investir na formação e consolidação de sua imagem profissional no mercado, se quiser sair do ciclo vicioso da concorrência predatória, e isso requer tempo e investimento que nem todos os profissionais dispõem.

Associando-se a uma imobiliária que propicie oportunidades de projeção pessoal, esta tarefa se torna mais barata e muito mais simples de se fazer. Minimizar a necessidade de investimento em tais frentes, significa poder se dedicar mais ao que realmente importa: fechar negócios!

3. Sinergia na atuação com outros profissionais

A prospecção de negócios para compor a carteira de um corretor requer tempo e dedicação. E apesar desse processo envolver tarefas importantes como a negociação com proprietários e avaliação dos imóveis e documentos, tais trabalhos, além de não serem remunerados imediatamente, pode demorar bastante tempo para que se convertam em renda para o corretor.

Associando-se a uma imobiliária, o corretor tem a vantagem de poder contar com certo número de opções de negócios já prospectado por outros profissionais, encurtando o caminho de quem começa ou tem uma carteira pequena. O acesso aos frutos do trabalho de outros propicia ao corretor associado, ampliação imediata de suas possibilidades de realizar negócios, encurtando seus investimentos. 

Um dos pontos críticos na atividade do corretor de imóveis é a negociação com os proprietários. Quanto mais informação e conhecimento de mercado um corretor tem, mais bem sucedida será sua tarefa de negociação e fechamento de negócios.

Associar-se a uma imobiliária, nesse caso, significa também ter um maior acesso às informações relevantes e atuais para o desenvolvimento de suas atividades. Ela poderá prover aos seus associados, através de instrumentos ou práticas internas, informações que eles não obteriam em qualquer outro lugar.

4. Competências complementares

“Nenhum homem é uma ilha”, como disse o poeta. Especialmente quando se trata de operações tão complexas e de tão grande responsabilidade quanto as que envolvem os negócios imobiliários, é certo imaginar que muitas competências diferentes devem concorrer para se concluir um serviço impecável.

Os negócios imobiliários em geral começam de forma muito parecida, como um comprador procurando uma casa, por exemplo, ou um proprietário querendo vender, mas geralmente terminam de modos  totalmente diferentes uns dos outros.

Uns requerem um detalhe aqui na forma de pagamento, outros, uma novidade acolá na escritura. Uns se apoiarão numa garantia contratual bastante recorrente, outro, imperdível, será negociado em bases menos usuais. O serviço do corretor deve ser orientado no melhor interesse do seu cliente e o restante… bem, o restante deve ser resolvido.

O corretor de imóveis que se associa a uma imobiliária deve poder contar com assistência para todas aquelas tarefas frente as quais não se sinta totalmente à vontade, principalmente aquelas extremamente técnicas ou fora dos padrões usuais. 

Além disso, mesmo as tarefas corriqueiras, mas que demandam tempo, organização e dedicação, e que sejam típicas de um back office, ao corretor convém que possam ser delegadas, e normalmente são absorvidas pelas imobiliárias, poupando o tempo do corretor.

O que dizer da administração de contratos de locação? Uma parte dos serviços são puramente rotineiros, relativos a movimentação financeira, burocrática, fiscal, etc. Uma pequena parte é, de fato, negocial, e dessa, interessa particularmente ao corretor se ocupar.

Enfim, contar com tais apoios permite ao corretor se focar naquilo que faz melhor: prospectar  oportunidades e desenvolver negócios. E apesar de muitos corretores preferirem trabalhar sozinhos, é importante considerar que a associação com uma imobiliária pode trazer benefícios, conforto e segurança ao corretor.

Se você está convencido das vantagens de contar com uma imobiliária, não deixe de entrar em contato com a Cristofoletti & Associados Imobiliária. Seja nosso associado!

Compartilhe, curta, recomende:

Deixe um comentário